Abordagem Direta do Inconsciente

A necessidade de buscar um sentido para a vida

Método ADI/TIP se constitui como um processo psicoterapêutico cientificamente sustentável segundo o conceito de prática baseada em evidências em Psicologia e corrobora os princípios fundamentais da filosofia e antropologia fenomenológica e apresenta estreita afinidade com a Psicoterapia Fenomenológico-existencial, com a qual colabora como recurso complementar.  Até 2018, os resultados da aplicação do Método foram pesquisados no universo de 135 mil pacientes que relataram percepção de melhora de diversos sintomas no percentual de 80%.

Histórico do projeto

Nestes anos de trabalho com os jovens em recuperação da dependência química, fomos procurados por algumas pessoas com história de vida tão traumáticas, que param em algum ponto da caminhada, apesar de toda vontade de mudar, de deixar a droga e de ser feliz. Desde 2002, muitos de nossos voluntários e agentes comunitários fazem tratamento psicológico em Belo Horizonte/MG com a equipe da Dra. Renate Jost, fundadora do método da ADI (Abordagem Direta do Inconsciente).

Os resultados foram uma grande liberdade para agir, assumir sua história, superar limites e sofrimentos pessoais, tendo resultados muito positivos na vida, nos relacionamentos e no desempenho de sua missão.

Também Dra. Renate e sua equipe compreenderam em profundidade nosso método de recuperação. Encaminharam pessoas com dependência para nossa entidade, e fizeram palestras, cursos e seminários em nossa Fazenda para os acolhidos e pessoas interessadas.

Em 2004, foi estabelecida uma parceria para atender os acolhidos e também os beneficiários de outros programas da nossa entidade. Em 2007, foi construído o centro de atendimento psicológico, em Guaratinguetá/SP. Em 2009, iniciou-se, em Belo Horizonte, a formação na metodologia da ADI para cinco psicólogos voluntários da Fazenda da Esperança, visando o atendimento gratuito destes terapeutas aos acolhidos, depois de formados e autorizados pela equipe da Dra. Renate.

Além do atendimento em Guaratinguetá, esta equipe se desloca para as Fazendas no Brasil, de acordo com as suas possibilidades, para atendimento dos internos e de pessoas da comunidade local.

Atividades realizadas

  • Terapia individual para voluntários da Instituição, para os acolhidos e outros beneficiários dos projetos da instituição, quando indicado pela equipe de coordenação e para pessoas da comunidade;
  • Seções de positivação para todos os acolhidos;
  • Orientação para os pais/responsáveis dos acolhidos e para os voluntários da instituição, através de palestras, cursos e seminários;
  • Durante o período de 1° de agosto a 11 de outubro de 2020 a instituição recebeu 12 psicólogos vindos de belo Horizonte, que estão em fase final da Formação no Método ADI/TIP, para concluírem seus estágios no método, atendendo os acolhidos das três comunidades terapêuticas de Guaratinguetá/SP.

Benefícios

Melhoria na qualidade da capacitação da equipe técnica que se dedica aos projetos da Fazenda da Esperança; Resultados positivos na recuperação e na reinserção familiar e social dos dependentes de droga e álcool de todas as Fazendas, colaborando para a reestruturação física, psíquica e humanística do acolhido.

Galeria de Imagens

Veja nosso trabalho pelas redes sociais

Seguindo nossas redes sociais você fica por dentro de todas as novidades, projetos e atividades da Fazenda da Esperança no Brasil e no mundo.

X